quarta-feira, 3 de abril de 2013

Amo-te... !

Eu sei que te amo...
Duma maneira pura
Insana
Conto os minutos
Para receber os teus beijos
E quando chegas perco-me
Num vazio em que tudo é possivel

Sem comentários: