domingo, 24 de janeiro de 2010

Poema In(completo)...!


Imagem protegida pelos direitos de autor

Vem em metades e com segredos
Prende-me em teus braços a meio da noite
Bebe o meu corpo
Sacia a tua sede
Canta-me a tua canção

Sente o desejo em crepúsculo
O sentido da volúpia carnal
A ponta dos meus dedos
Goza a tortura do momento
Deixa o relógio partilhar as horas lentas
Absorve a essência de desejo

Esquece o tempo
O quotodiano morto
....

Sem comentários: