segunda-feira, 12 de maio de 2008

Para grandes males...

Imagem possivelmente protegida com direitos de autor.

Pelos sentidos calados

Malévolas se erguem

São almas perdidas

Dum mundo estulto


Afogam-se em anonimato

Bloqueiam a sanidade mental

Consomem-se com a felicidade alheia

Expelem saliva envenenada


São os males dum ventre mundano

Paridos em lua de lobisomem

Atormentados pela escuridão

De um sol que não lhes brilha


Um desafio…

Serás tu ou eu

A malvada…

4 comentários:

Nuno disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Maria disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Maria disse...

Não Gato_Malvado, não és tu que consomes a felicidade alheia. Interpreta a palavra "Malevolas" :P

Estas é que a consomem!

Beijocas de maresia...

Luís Nunes disse...

O desafios somos sempre nós , sem nós não há desafios. beijo.